» » » » Greve dos servidores do Detran de Pernambuco completa um mês

Greve provocou suspensão de serviços no detran-PE desde o dia 13 de fevereiro (Foto: Marlon Costa/ Pernambuco Press)    
Um mês após a deflagração da greve, servidores do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE) ainda não têm previsão de retorno às atividades. A paralisação começou no dia 13 de fevereiro, com reivindicações como a revisão dos termos de contrato do plano de saúde. O sindicato que representa a categoria aguarda o agendamento de uma audiência de conciliação junto ao governo, que deve ocorrer nesta semana.
De acordo com o sindicato, não há expediente na sede, na Iputinga, na Zona Oeste do Recife; nos shopping centers e nas circunscrições de trânsito (Ciretrans) do interior, mas parte dos serviços funciona nas unidades do Expresso Cidadão, onde atuam servidores de outras secretarias.
Um dos principais pontos entregues ao governo do estado em 2015 e 2016 é a questão relativa ao plano de saúde dos mais de 1.300 servidores. Segundo Alexandre Bulhões, presidente do sindicato, o desembargador Eduardo Augusto de Paurá Peres, do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), havia dito que hoje seria o prazo final para a marcação da audiência.
"Ele determinou a volta dos servidores ao trabalho. Tivemos reuniões e foi decidido que a audiência de conciliação seria a melhor opção, para evitar o dissídio coletivo da categoria", disse.
Em nota, a assessoria de imprensa do Detran-PE informou que "os procedimentos que dependam de prazos, tais como transferência de propriedade de veículos, recursos de infração de trânsito, primeiro emplacamento, principalmente os que já venceram, serão prorrogados após o termino do movimento grevista, medida que será publicada por meio de portaria no Diário Oficial do Estado".
A nota diz ainda que, quanto ao atendimento, os serviços abertos e agendados pelo site para renovação ou 2ª via da carteira nacional de habilitação (CNH) ou permissão internacional para dirigir (PID), estão funcionando normalmente nas lojas dos shoppings e na sede do Detran-PE, na Iputinga.
Além disso, os serviços agendados oferecidos nos Expressos Cidadão em todo o estado estão em funcionamento. Já as Circunscrições Regionais de Trânsito (Ciretrans), localizadas no interior e no Grande Recife, estão funcionando parcialmente.

Outras greves

Em 2016, os servidores do Detran-PE realizaram várias greves. Em agosto, houve redução dos serviços na sede. No dia 11 deste mês, os servidores do Detran-PE fizeram uma paralisação e só voltaram ao trabalho cinco dias depois. Eles reivindicavam a revisão dos termos de contrato do plano de saúde.
No dia 8, houve paralisação de expediente pela manhã. No dia 3, a categoria cruzou os braços por 24 horas. Todos os atos tiveram como objetivo exigir alterações no plano de saúde. Em março, os servidores fizeram uma greve de pouco mais de um mês. Na época, a categoria exigiu aumento do valor do tíquete-refeição e o presidente do sindicato, Alexandre Bulhões, informou que a categoria elaborou, em parceria com a presidência do órgão, um calendário especial para fazer a reposição dos dias parados e evitar mais prejuízos aos usuários.

Fonte Globo.com
Postado por Júnior Silva em Limoeiro (PE), terça, março 14/2017

«
Nex
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga