» » » Náutico quebra jejum e vence o Paraná em Curitiba

Divulgação                 
O Náutico chegou ao Estádio Durival Britto, em Curitiba, em busca da segunda vitória consecutiva na Série B. Conseguiu. Com gols de Rodrigo Souza e Roni, o time alvirrubro derrotou o Paraná por 2x1 e, de quebra, ainda acabou com um jejum de nove anos sem vencer o Tricolor fora de casa. Com o resultado, os pernambucanos ganharam uma posição e, no 10º lugar, com 39 pontos, seguem na briga pelo G4. Já o Paraná, com os mesmos 33 pontos, acabou ficando em 14º. 
O JOGO
A posse de bola das equipes no primeiro tempo engana quem não viu a partida. O Paraná teve 69% contra 31% do Náutico, mas foi o Timbu quem se destacou na primeira etapa e teve as maiores chances de mexer no marcador. Apesar do equilíbrio nos minutos iniciais, o alvirrubro conseguiu ser mais efetivo, buscando muito mais a ofensividade no jogo. O resultado foi a vantagem no placar.
Os pernambucanos apostaram, principalmente, nas jogadas aéreas, mas acabaram perdendo boas chances com Rafael Pereira. Em duas cobranças de escanteio, o zagueiro cabeceou para o gol, mas a bola acabou ficando nas mãos do goleiro Marcos. Quando a pelota caiu nos pés de Rodrigo Souza, ele não desperdiçou. Joazi puxou um contra-ataque e enxergou Marco Antônio, que só teve o trabalho de rolar para Rodrigo chutar na saída do arqueiro, deixando o Timbu na frente.
Depois de sofrer o tento, o Paraná não se intimidou e mudou a postura. Os donos da casa fecharam os espaços e foram para cima, permanecendo no campo de ataque. Mesmo encontrando dificuldades para criar, os paranistas assustaram com boas chegadas de Nadson e Diego Tavares. Mas nada além disso.
A reação poderia ter vindo na segunda etapa, mas o Náutico não deu chance. Logo no primeiro minuto do segundo tempo, o meia Marco Antônio, um dos destaques do jogo, deu um lançamento certeiro para Roni, que aproveitou para invadir a área e dar um toquinho por cima, sem chances para Marcos defender. Vencendo por 2x0, o Timbu pôde ter mais tranquilidade para jogar.
A vantagem alvirrubra cresceu ainda mais quando Anderson Uchôa chegou com uma entrada dura em cima do atacante Vinícius e recebeu cartão vermelho direto. Mas, a partida que parecia dominada, acabou ficando perigosa. Mesmo na desvantagem, o Paraná conseguiu diminuir a diferença no placar. Após cobrança de falta na área feita por Nadson, Fernando Karanga completou para as redes.
Nesta situação, o Náutico precisou administrar a partida para não acabar sofrendo a virada. Givanildo Oliveira aproveitou para tirar Rodrigo Souza, autor do primeiro tento, e colocar o volante Negretti. Mesmo sofrendo alguns sustos nos minutos finais, o Timbu conseguiu segurar a vantagem e arrematou mais três pontos na Série B do Campeonato Brasileiro, se mantendo na briga pelo acesso à Série A. 
Ficha do jogo
Paraná 1
Marcos; Lucas Taylor (Murilo Rangel), Leandro Silva, Leonardo e Henrique Gelain; Anderson Uchôa, Lucas Otávio, Diego Tabares e Nadson; Guilherme Queiroz (Henrique) e Fernando Karanga. Técnico: Marcelo Martelotte.
Náutico 2
Júlio César; Joazi, Rafael Pereira (Igor Rabello), Adalberto e Gastón; João Ananias, Rodrigo Souza (Negretti), Marco Antônio e Vinícius; Roni e Bergson. Técnico: Givanildo Oliveira.
Gols: Rodrigo Souza (27min do 1T), Roni (1min do 2T) e Fernando Karanga (18min do 2T)
Cartões amarelos: Leandro Silva (P), Fernando Karanga (P), Roni (N), Gastón Filgueira (N), Henrique (P) e Murilo Rangel (P)
Cartão vermelho: Anderson Uchoa (P)
Local: Estádio Durival de Britto (Curitiba/PR)

Horário: 16h20.
Postado por Júnior Silva em sábado, setembro 24/2016

«
Nex
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga