» » » Esta sexta-feira é o dia dela, a cerveja

Leo Motta/Folha de Pernambuco               
Breja, cerva, loira, morena, beer, birra. São tantos os jeitos de pedir uma cervejinha, o negócio é se fazer entender pelo garçom. E, adivinhem, esta sexta-feira (5) é o Dia Internacional da Cerveja. Vai deixar passar?
Se você é do tipo que já não abre mão de uns goles em dias normais sob o pretexto de relaxar, hoje a desculpa é reforçada: tem que celebrar um dos líquidos mais populares em várias culturas do mundo. Bebedores contumazes colocaram suas experiências cervejeiras em favor dos nossos leitores e indicam as cervejas que gostam mais dentro de faixas de preço distintas.
Tem quem desgoste de agosto. Não é o caso dos apaixonados pela combinação de água, malte, lúpulo e levedura. É na primeira sexta-feira desse mês que eles celebram o Dia Internacional da Cerveja - outra desculpa, bem sabemos, para beber um poquinho mais.
Graças ao mercado local efervescente - no ano passado, espocaram marcas regionais e novas casas especializadas no Recife -, os rótulos de sabor, aroma e composição mais complexos, conhecidos como especiais, caíram em definitivo na simpatia do recifense.

Mas, muita gente não sabe bem por onde começar. Afinal, como dizem alguns amigos, essa é uma “brincadeira cara” e escolher a cerva errada pode fazer doer o bolso. Para o investimento ser certeiro, aqui vão dicas de cervejas com ótimo custo-benefício, dadas por quem entorna direitinho.

Postado por Júnior Silva em sexta, agosto 05/2016 

«
Nex
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga