» » » Diego Souza dispara contra arbitragem

Foto: Flávio Japa/FolhaPE           
Virou rotina na Ilha do Retiro. Após quase todos os jogos, o meia Diego Souza dispara contra a arbitragem. Dessa vez, a bola da vez foi o gaúcho Anderson Daronco, que não deu um pênalti cometido em Rogério, no lance do gol de empate marcado por Gabriel Xavier. Na ocasião, segundo Diego, o árbitro deveria ter expulsado o colombiano Mina e marcado a infração.
“Não tem condições. Eu falo, falo... Estou indo para o meu 14º Campeonato Brasileiro, fiz minha carreira praticamente inteira no Brasil, mas tem coisas que realmente eu não consigo entender A CBF coloca juízes metidos a experientes, que não sentem a pressão. Isso não acontece quanto jogamos fora de casa. Lá fora, são juízes novos, que sentem essa situação. É muito complicado jogar em casa com esse tipo de arbitragem, que tende a deixar as coisas acontecerem. O Palmeiras vem fazendo uma linda campanha, está de parabéns. Mas, de repente, a história do jogo seria outra”, declarou o meia.
Já Gabriel Xavier, autor do gol de empate, preferiu exaltar a boa atuação leonina, lamentando bastante a derrota. “Jogamos de igual para igual com o líder da competição. Isso precisa ser observado. Perdemos nos detalhes, o que nos chateia bastante. Mas, é buscar a reabilitação contra a Ponte”, pontuou.
Para este jogo contra a Ponte Preta, o treinador Oswaldo de Oliveira não contará com Samuel Xavier, que tomou o terceiro cartão amarelo. Como Auro foi devolvido ao São Paulo, o comandante leonino deverá improvisar Ronaldo novamente. Os meias Everton Felipe e Reinaldo Lenis retornam após cumprir suspensão diante do Palmeiras.
Postado por Júnior Silva em terça, julho 05/2016

«
Nex
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga