» » Sport vence e tira invencibilidade do Santa

(Foto: Anderson Stevens/FolhaPE)
O encontro na elite nacional demorou exatos 15 anos para acontecer, mas um duelo para ninguém botar defeito. No primeiro Clássico das Multidões desde 2001 na Série A, o Sport levou a melhor diante do Santa Cruz, no Arruda, vencendo por 1x0, com gol de Edmílson no começo da partida. O triunfo encerrou um jejum de oito jogos sem vencer, inclusive conquistando a primeira vitória do treinador Oswaldo de Oliveira e neste Brasileirão. Com o três pontos, o Leão deixou a lanterna da competição, com quatro pontos ganhos. Já o Tricolor perdeu a invencibilidade de 18 jogos, sendo 16 com o técnico Milton Mendes, e ainda por cima deixou o G4 do Brasileirão, caindo para a quinta posição, com oito pontos. Caso tivesse assegurado ao menos um empate, a Cobra Coral teria atingido a marca de 19 jogos sem perder, feito que só alcançou em um torneio nacional em 2005, pela Série B. 
Com fome de bola e com a faca nos dentes, o Sport fez um primeiro tempo excelente. Para quem não vem acompanhando, seria difícil apostar que o time ocupava a lanterna do Brasileirão. Com o meio de campo organizado e algumas peças antes nulas funcionando, como Serginho e Gabriel Xavier, que fizeram as suas melhores partidas com a camisa leonina, o Leão sufocou os donos da casa. Sofrendo com a marcação alta do adversário, os tricolores não conseguiam respirar desde a saída de bola. O funcionamento da engrenagem era tudo que o meia Diego Souza precisava para recuperar o seu futebol, com Edmílson fazendo o papel de homem de área melhor do que qualquer atacante rubro-negro nesta temporada.
Incisivo e decidido desde o começo, o gol dos visitantes não demorou a sair. Aos oito minutos, Diego Souza deu belo passe para Edmílson, que ganhou na dividida com Tiago Cardoso e só teve o trabalho para tocar para o fundo do gol: 1x0. O tento não serviu para acordar a Cobra Coral. Mesmo com o apoio da sua torcida, o time não conseguia sair da forte marcação dos comandados de Oswaldo de Oliveira. Aos 23, em linda jogada, Diego Souza tocou para Everton Felipe bater cruzado com perigo. Três minutos depois, Serginho arrancou e só parou no goleiro tricolor, atrapalhando-se ao tentar driblar o goleiro coral.
Na etapa final, com o Sport passando a demonstrar desgaste físico, o Santa Cruz conseguiu equilibrar as ações, mas as melhores chances continuaram com os leoninos. Aos 15 minutos, Gabriel Xavier chegou centímetros atrasado em cruzamento da direita. Logo em seguida, Alemão saiu errado e Diego Souza perdeu grande chance. E aos 26, com a expulsão do lateral Roberto, o Leão cansou de perder chances. Aos 31, Gabriel Xavier acertou a trave em excelente passe. Dois minutos depois, Ronaldo achou Edmilson, que chutou para a boa defesa de Tiago Cardoso. Com um homem a mais, o Rubro-negro apenas administrou o relógio e arrancou a sua primeira vitória no Brasileirão 2016.
FICHA DO JOGO
SANTA CRUZ 0
Tiago Cardoso; Léo Moura (Bruno Moraes), Alemão (Fernando Gabriel), Danny Morais e Roberto; Uillian Correia, João Paulo e Wallyson (Lelê); Arthur, Keno e Grafite. Técnico: Milton Mendes
SPORT 1
Magrão; Samuel Xavier (Ronaldo), Matheus, Durval e Renê; Rithely, Serginho, Gabriel Xavier (Rodrigo Mancha) e Diego Souza; Éverton Felipe e Edmilson (Lenis). Técnico: Oswaldo de Oliveira
Local: Arruda (Recife). Árbitro: Raphael Claus (SP). Assistentes: Clóvis Amaral e Cleberson do Nascimento Leite. Gol: Edmílson (aos oito do 1ºT). Cartões amarelos: Diego Souza e Serginho (Sport). Alemão, Léo Moura, João Paulo e Uillian Correia (Santa). Cartão vermelho: Roberto (Santa) Público: 16.951. Renda: 290.070,70
Postado por culturalfm96.com em quinta, junho 02/2016

«
Nex
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga