» »Unlabelled » VENDA DE INSETICIDAS E REPELENTES NAS LOJAS AUMENTA 84%


Os números de casos de Dengue, Chykungunya e Zika Vírus no Brasil preocupam as autoridades. Em Pernambuco, só a Dengue teve um aumento de 40,92% de casos notificados na primeira semana de 2016: foram 923 casos, contra 655 no mesmo período de 2015. Esse crescimento das notificações das doenças provocou uma grande procura por inseticidas e repelentes nas farmácias e supermercados do país. E a indústria tem reforçado a produção para dar conta da alta demanda. Um exemplo foi a Reckitt Benckiser: em 2015, as vendas dos dois produtos aumentaram 57%.

Um reflexo disso pode ser visto na Rede de Supermercados Bonanza. De 1º a 25 de janeiro deste ano, as vendas destes produtos aumentaram 84% em relação ao mesmo período do ano passado. Mas, os consumidores podem ficar tranquilos: as lojas estão bem abastecidas de inseticidas e repelentes. “Estamos vivendo um momento de extrema atenção com a saúde. Nossos parceiros do segmento de inseticidas e repelentes estão focados em nos abastecer com os produtos que combatem o mosquito e suas conseqüências. O objetivo é deixar disponível ao nosso consumidor produtos de eficácia nessa luta contra aos agentes nocivos. Estamos juntos nessa batalha”, afirma José Mário Segundo, diretor de Vendas e Trade Mkt do Grupo DFC, do qual faz parte a Rede Bonanza.

Postado por culturalfm96.com em quinta, janeiro 28/2016

«
Nex
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga