» » Estelionatário age em Orobó e engana dois agricultores


Na tarde desta segunda (11), dois moradores do Sítio Inveja, Zona Rural de Orobó, foram vítimas de um estelionatário. Paulo Mendes de Oliveira, 51 anos, e José Caetano Januário, 65, ambos agricultores, solicitaram o policiamento, alegando que um indivíduo chegou às suas residências dizendo ser representante da Empresa Protec, a qual possuía um convênio com a escola Estadual Rita Maria, em Orobó, onde os filhos deles estudam e que eles haviam sido contemplados com uma bolsa de estudos na instituição que ele estaria representando.

Foi nesse momento que aconteceu o golpe. Para garantir a bolsa, ambos teriam que pagar uma taxa no valor de R$ 200. Após efetuaram o pagamento da referida taxa e o indivíduo ter deixado o local em uma motocicleta de placa não anotada, só então as vítimas entraram em contato com funcionários da escola. Para surpresa e revolta, os agricultores foram informados que não havia nenhum tipo de convênio com a unidade escolar. O policiamento que realizava rondas foi acionado e informado sobre a situação. Os militares realizaram buscas na região, mas o estelionatário não foi localizado. As vítimas foram orientadas a registrar o fato na delegacia de Orobó. 

«
Nex
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga